Últimos assuntos
» [Mina] jonathan Felipe
Sab Abr 15, 2017 12:38 pm por Staff One

» Venda de Jonathan Felipe
Sab Mar 25, 2017 12:29 pm por Blake S. Beauregard

» [PARCERIA] Camp Half-Blood BR
Dom Fev 26, 2017 1:37 am por Blake S. Beauregard

» [Journey] It's a new dawn, it's a new day, it's a new life {Ewan Faust}
Qua Fev 22, 2017 8:50 pm por Blake S. Beauregard

» Encubadora do Professor Space
Ter Fev 21, 2017 3:10 pm por Blake S. Beauregard

» Adote aqui um pokémon!
Ter Fev 21, 2017 12:36 pm por Tate Peters

» Ticket Island - Compre sua passagem aqui!
Ter Fev 21, 2017 12:30 pm por Tate Peters

» [Mina] Excavation area
Dom Fev 19, 2017 8:11 pm por Blake S. Beauregard

» Laboratório Pokémon
Sex Fev 17, 2017 9:35 pm por Blake S. Beauregard

» [Mina] Blake S. Beauregard
Ter Fev 14, 2017 3:53 pm por Staff One

Parceria Diamond
0 de 5
Créditos
» Skin obtenido de Captain Knows Best creado por Neeve, gracias a los aportes y tutoriales de Hardrock, Glintz y Asistencia Foroactivo.
» Todos os Templates usados pela Staff foram retirados dos sites Lotus Graphics e Cupcake Graphics, todo o crédito a eles.
» Todas as imagens foram tiradas do Google, créditos aos criadores das imagens.
» Demás Créditos del Foro.
Parceria Crystal
0 de 9
Parceria Gold
0 de 33

[Ficha] Leonard Snart

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Ficha] Leonard Snart

Mensagem por Leonard Snart em Qua Jan 18, 2017 11:11 am



LEONARD SNART
▄▄▄▄▄▄▄▄▄▄▄▄▄▄▄▄▄▄▄▄▄▄
we are bad guys. that's what we do.


 
Informações do Personagem
 
Idade: 38 anos.
Sexualidade: Pansexual. 
Peso: 72 kg.
Altura: 1,78 m.
 
Características físicas e psicológicas
 
 
Características Físicas: De rosto quadrado e olhos encavados, Leonard Snart tem a face comedida de todos os gatunos do mundo. Feições preguiçosas, olhos de ressaca, uma aura de cigano oblíquo e dissimulado. Sobre os poços mal-dormidos das olheiras cintilam turmalinas; olhos azuis herdados da mãe que tão breve o deixara. Mantem os cabelos cortados bem curtos e rentes, estilo ganho de tantas idas e vindas e estadas em delegacias e presídios.
Apesar de sê-lo, Leonard aparenta tudo menos ser um infrator da lei: é como se veste e como se porta que gritam berço de ouro e boa criação e, quando é este o comentário único que têm a lhe fazer, Lenny sorri com o canto dos lábios; um esgar divertido de quem sabe mais e melhor.
Desde criança tem uma constituição frágil e anêmica. Apesar de ter lutado contra esta disposição por toda a vida, Snart ainda traz dela os sintomas: pele emaciada, cenho taciturno e ocasionais arrepios e tremores vindos de um frio que só ele parece sentir. Assim, seu guarda-roupa se alterna entre casacos e parcas, golas rolê e mangas compridas. 
 
Características Psicológicas: Leonard é impassível e aquilo que decide é, também, raramente mutável. Nunca fora conhecido por sua maleabilidade. Antes, é conhecido por sua disposição fria e calculista. Seus pensamentos ficam gravemente selados do lado de dentro; suas emoções, perdidas em algum lugar onde ele as trancara para nunca mais despontarem outra vez. Tudo o que faz e diz é uma fachada: um meio para atingir um fim.
É um homem inteligente, versado nas coisas da vida tanto quanto no que tange à ciência, embora o que aprendera tenha sido, em grande parte, por conta própria. É paciente e perfeccionista. Seus passos são calculados e medidos; desdobra-se sobre as minúcias e os detalhes, revendo-os a exaustão para garantir estar seguindo o melhor plano de curso.
As poucas pessoas que conseguem conquistar sua confiança, no entanto, têm a certeza de ver em Lenny um aliado duradouro, incapaz de dar-lhes as costas ou trai-los. Sua própria moral, por mais deturpada que seja, o impede de voltar-se contra aqueles que lhe são mais próximos e o leva a mostrar centelhas das emoções que escondera, tanto do mundo quanto de si.
 
História do personagem
 
 
Leonard Snart não teve a melhor das infâncias e suas poucas boas lembranças envolvem um sorriso de criança e cachinhos dourados a correr pela casa.
Elisabeth, sua irmã, era a única alegria daquele garoto adoentado, magro demais para ser outra coisa além de um empecilho no caminho de um pai bêbado que afugentara sua mãe tão logo a mais nova nascera.
Antes um policial, Lewis Snart se envolvera com drogas e suborno e, uma vez despedido, voltou-se de vez ao mundo do crime e às famiglias que o haviam antes, tão generosamente, o incluído em sua folha de pagamentos eram, também, as que agora cobravam os tão bons serviços que o homem pudesse oferecer. O homem que os criava era um criminoso sem o menor talento, incapaz dos mais simples truques e, assim sendo, não foram poucas as suas passagens pela polícia.
Toda vez que era preso, os Snart se refugiavam na casa do avô e, embora as coisas não fossem lá exatamente fáceis, não havia a tensão sempre presente que havia em suas casas quando o pai estava por perto.
Suas ocasionais prisões apenas o deixavam mais implacável. Lewis se tornou um beberrão incorrigível. Quando bêbado, era tomado de acessos de fúria e se voltava contra os filhos. Não foram poucas as vezes que Lenny acabou com um olho roxo e escoriações por pouco mais que dizer a coisa errada, na hora errada. Aos poucos, aprendeu, por bem, a ficar de boca fechada. A jovem Lisie também era alvejada pelas palmadas e socos do pai; a bonita pele branca acabava por ficar vermelha e então roxa. De roxa, a amarela. As piores surras Leonard fazia questão de levar. Todas as vezes que podia, postava-se entre o homem e a menina e gritava para que ela corresse. O seu castigo, é claro, vinha dobrado. Mas ele podia aguentar os hematomas e os ossos quebrados. Ele podia ser forte pelos dois.
Podia ser forte para ver o sorriso de Lisa, à noite, quando Leonard se achegava a ela para lhe contar uma estória. Quando a levava a escola e ela beijava sua bochecha, para lhe desejar um bom dia. E quando ele a ensinava a patinar no gelo... nunca tão bom quanto ela seria.
Lewis, insatisfeito com ter duas bocas para alimentar e ninguém que o ajudasse, acabou por arrastar o jovem Snart para os seus planos de roubo. As pequenas mãos de uma criança eram perfeitas para se encaixar em lugares miúdos e, onde homens adultos não entrariam, Leonard se arrastava com facilidade. Foi assim que, um dia, durante um roubo mal sucedido, o garoto fora deixado para trás pelo próprio pai, temeroso de voltar a cadeia. Sendo apanhado em flagrante num grande roubo de joias, o menino fora mandado a oito meses em um reformatório.
Seu primeiro dia fora, também, o mais próximo que já estivera da morte.
Forçado a uma briga com cinco detentos mais velhos, Leonard não soube manter a calma e não reagir. Estava longe da irmã que pretendia proteger, deixada sozinha com um demônio como pai. Iria ficar preso naquele lugar por oito meses enquanto o homem gozava de liberdade; o mesmo pai que o arrastara ao assalto e que o deixara para trás para ser pego. Tinha razões para estar furioso e, se estes garotos queriam briga, era briga então que teriam.
Leonard reagiu. E talvez este tenha sido seu erro.
Um dos garotos puxou um canivete e o cravou em sua barriga, a lâmina furando e furando, repetitiva.
A última coisa que viu antes de perder a consciência fora um outro garoto comprar sua briga e forçar juntas as cabeças de dois de seus agressores. O impacto – um alto THUD – o embalou ao sono.
Acordou, dias depois, na enfermaria. Acabou que o desconhecido que o salvara se chamava Mick Rory, famoso incendiário. E, também, que não havia outro motivo para salvá-lo que não a injustiça de um novato acabar morto em seu primeiro dia. Mick não queria ter acabado com uma sombra magra por companhia, mas acabou a contragosto tendo que acolher Leonard Snart sob suas asas.
Juraram amizade um ao outro e, quando cumpriram suas penas, se reencontraram do lado de fora, tão bons amigos um para o outro do lado de fora quanto haviam sido do lado de dentro. Embora Mick fosse seu completo oposto – cabeça-quente, irascível, uma explosão esperando para acontecer – Leonard era seu equilíbrio. Aquele a lhe manter a calma, a manter a cabeça no lugar, a fazê-lo voltar a sanidade. A não deixá-lo ser consumido no inferno de ser quem era.
Nenhum dos dois soube quando a curiosidade deu lugar ao desejo e quando o desejo os encontrou com as roupas jogadas pelo quarto, bocas coladas, corpos querentes de mais – só um pouco mais. Dezesseis anos – dois projetos de adolescentes – e perdidos na delícia e na tortura de ser quem eram.
Durante todos os anos que se seguiriam Mick Rory seria uma constante. Embora os dois nem sempre se entendessem e as brigas levassem a desentendimentos e os desentendimentos a separações, Mick sempre achava o caminho de volta. Por mais longo fosse o tempo que se distanciavam, por mais parceiros que tivessem ao longo do tempo para encobrir a falta e a ausência, Leonard sempre se via preso a esse relacionamento sem nome; essa ligação a que nenhum dos dois queria impor palavras, onde os sentimentos ficavam implicados, mas jamais ditos.
Leonard teria que se ver junto a uma cama de hospital e de um comatoso Rory – vítima de um incêndio que ele próprio causara; (as sequelas nunca o deixariam) – para dizer as palavras que selavam o que tinham com todas as letras. Ele nunca voltaria a dizê-las.
Depois do reformatório, Leonard arriscou-se a trabalhar sozinho, juntando aos poucos o dinheiro que lhe era preciso para fugir das garras do pai. Por mais que tentasse, no entanto, era impossível levar Lisie consigo. Jamais voltara a escola. O velho o extorquira o quanto pudera e as aulas de patinação de Lisie acabaram por minar o resto. Para um dos criminosos mais bem sucedidos do continente, Leonard Snart vivia uma vida bastante frugal; ele nunca se importou. Sua infância não fora afortunada e, crescendo com pouco, Snart não precisava de não-me-toques. Mas não a Lisa. Ele nunca deixaria nada faltar a Lisa.
Até a irmã atingir a maioridade, Leonard comeu o pão que o diabo amassou. Fez questão de que ela estudasse o quanto pudera e assistiu com orgulho e fascínio a jovem moça graduar-se no colegial. Para seu desgosto, ela não quisera continuar os estudos. Mas bonita e inteligente como era, não lhe foi difícil arrumar emprego e sustentar-se por conta, com alguma – talvez muita – ajuda do irmão mais velho que se comprazia de cobri-la de mimos e afeição. 
Foi de coração partido que Leonard aceitou que o seu destino era, também, o de Lisa. Aceita-la no bando fora, também, uma das decisões mais difíceis que tivera de tomar na vida. Mas antes preferia tê-la onde os olhos pudessem vê-la, do que tramando assaltos e roubos por conta própria, nunca tão boa quanto ele seria. Não, ele não suportaria vê-la passar pelo mesmo inferno que ele passara. Seu desejo de protege-la era maior do que aquele que desejava que tivesse uma vida íntegra. Assim, acabou por ensinar a jovem Lisie tudo o que hoje sabe para que ela fosse boa o suficiente, rápida o suficiente para não acabar nas garras da polícia, onde ele não poderia ser seu escudo e espada.
Leonard se compraz de ser um ladrão infame.
Por mais que suas raízes o tenham transformado naquilo que é, esta deve ser a única coisa que agradece a Lewis Snart. Não consegue se imaginar fazendo outra coisa; e, por mais que pudesse, a adrenalina da fuga, a excitação do dinheiro fácil, a alegria de saber-se mais rápido e mais esperto o prendem a essa linha de trabalho de um jeito que nada mais poderia. Ele vive pela jogada perfeita; pelo roubo de sua vida.

Extras



Nível de treinador: [0/1000]
Reputação no PvP: 
Ganhou: -X- 
Perdeu: -X- 
Empatou: -X-
Emblemas conquistados: [0/24]
Poké Dollar: P$ 05.000
[1]
[1]

Mochila:
Balls: [5]
Itens: 
Move Bag:
Box Pokémon:
None
Porta Egg:
None


###

 Wellcome to Selifer!

Poké Mind - RPG
Leonard Snart
avatar
Monotrainer
Points Store :
5377

Mensagens :
2

Data de inscrição :
17/01/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Ficha] Leonard Snart

Mensagem por Tate Peters em Qua Jan 18, 2017 8:07 pm

Ficha Aceita


Normal People Scare Me.

Tate Peters
avatar
Administrador
Points Store :
7876

Mensagens :
254

Data de inscrição :
07/11/2015

Idade :
20

Localização :
Murder House

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum