Últimos assuntos
» [Mina] jonathan Felipe
Sab Abr 15, 2017 12:38 pm por Staff One

» Venda de Jonathan Felipe
Sab Mar 25, 2017 12:29 pm por Blake S. Beauregard

» [PARCERIA] Camp Half-Blood BR
Dom Fev 26, 2017 1:37 am por Blake S. Beauregard

» [Journey] It's a new dawn, it's a new day, it's a new life {Ewan Faust}
Qua Fev 22, 2017 8:50 pm por Blake S. Beauregard

» Encubadora do Professor Space
Ter Fev 21, 2017 3:10 pm por Blake S. Beauregard

» Adote aqui um pokémon!
Ter Fev 21, 2017 12:36 pm por Tate Peters

» Ticket Island - Compre sua passagem aqui!
Ter Fev 21, 2017 12:30 pm por Tate Peters

» [Mina] Excavation area
Dom Fev 19, 2017 8:11 pm por Blake S. Beauregard

» Laboratório Pokémon
Sex Fev 17, 2017 9:35 pm por Blake S. Beauregard

» [Mina] Blake S. Beauregard
Ter Fev 14, 2017 3:53 pm por Staff One

Parceria Diamond
0 de 5
Créditos
» Skin obtenido de Captain Knows Best creado por Neeve, gracias a los aportes y tutoriales de Hardrock, Glintz y Asistencia Foroactivo.
» Todos os Templates usados pela Staff foram retirados dos sites Lotus Graphics e Cupcake Graphics, todo o crédito a eles.
» Todas as imagens foram tiradas do Google, créditos aos criadores das imagens.
» Demás Créditos del Foro.
Parceria Crystal
0 de 9
Parceria Gold
0 de 33

[Jornada] Blake S. Beauregard

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Jornada] Blake S. Beauregard

Mensagem por Blake S. Beauregard em Qua Jan 25, 2017 8:49 pm

THE STATE OF DREAMING.

Após receber seu primeiro Pokémon pessoalmente com o Professor Matt Smith, Blake estava mais que decidido em treinar no caminho para seu próximo destino. Seu objetivo era completar o desafio das doze ilhas e concretizar o sonho de muitos: derrubar um a um da elite four.
O céu estava encoberto, poucos raios de sol atravessavam aquelas nuvens espessas, que não ajudavam muito em manter o pensamento de chuva afastado. Com o vento uivando forte, Blake vestia um cachecol vermelho e roupas um pouco mais pesadas. Não era como se estivesse congelante de fato.
Os novelos da sorte pareciam estar se enrolando em outra direção, pois enquanto já se dirigia para uma saída da cidade, com desejo em treinar em uma parte isolada da ilha, o garoto teve um mal pressentimento que varreu a sua espinha. Era muito semelhante ao sentimento que teve antes de seu pai partir em uma missão suicida.
Vendo que nenhum perigo o espreitava, ignorou o seu sexto sentido, como tem costumado fazer desde então. Mal ele sabia que cometera um grande erro, que por sorte, poderia ser resolvido com um pouco de astúcia. Quisera ele estar livre dessa ‘maldição’, como ele mesmo pensava sobre as visões.
Não muito afastado da cidade grande, algumas construções ainda podiam ser avistadas, porém Blake estava entre árvores e arbustos. Seu objetivo era ganhar experiência em cima de alguns pokémon selvagem que ele viesse a encontrar, quem sabe, até capturar algum.
Blake havia acabado de liberar seu companheiro de jornada, Snivy, que se mantinha curioso sobre o ambiente a ser explorado, ainda que com certa cautela e timidez. Para ele, era importante compreender mais do seu modo de agir para extrair uma estratégia melhor de batalha, como sua mãe costumava lhe dizer.
Deitado na grama de uma pequena colina, o treinador notou que seu Pokémon tinha ouvido algo, e estava vindo dos arbustos. Com uma troca de olhares em um silêncio mútuo, os dois entraram em posição de guarda, atentos para o que podia estar de trás.
Saltando da vegetação, um roedor azul de corpo arredondado apresentou-se para os dois, parecia bem ameaçado e assustado com a visão de humano e seu companheiro. Sem nem poder dizer nada, já surpreendeu ambos com um Tail Whip.
”Azurill, um Pokémon normal-fada. Sua cauda é utilizada para se movimentar em meio aquático e se mover pulando nos arredores em terra firme. ” — a Pokédex descreveu.
— Muito bem, Snivy, não vamos perder, tempo, certo? Use o Leer seguido de um Tackle. — Assentiu com a cabeça, como se já tivesse feito isso antes, mesmo que tudo ainda fosse muito novo.
Azurill continuava sem entender o motivo de seus movimentos de status não funcionarem direito no oponente. Certamente havia algo errado, mas continuava a utilizar mais um Tail Whip, tendo por Snivy seu ataque reduzido e sofrendo uma investida após utilizar mais um de seus movimentos de Status.
Que ousado esse Pokémon era, parecia ter em mente uma estratégia que fosse realmente desabilitar o inimigo. Apenas quando sofreu o primeiro dano do oponente, o pequeno ratinho se tocou: Quanto mais utilizasse dessa estratégia, mais resistente o inimigo estaria. O por que? Excepcionalmente, o Snivy de Blake possuía a habilidade Contrary, a fazer modificações de status terem efeito inverso.
Nessa altura da batalha, as defesas de Snivy estavam suficientemente elevadas para aguentar golpes de Pokémon mais poderosos, isso era ótimo. Blake estava com a faca e queijo na mão, precisava ter cuidado e ser preciso.
— Snivy, use Tackle mais uma vez, empurre-o contra aquela pedra!
Azurill, no entanto, não parecia disposto a desistir. Rapidamente, utilizou um Water Gun para confundir o inimigo. Nada contente com a atitude adversária, Snivy investiu contra seu desafiante, acertando-o em uma pedra.
Azurill parecia um pouco zonzo, mas não confuso. O impacto foi forte e impiedoso, mas seria preciso mais que isso para baixar sua energia até o ponto desejado. Tendo isso em mente, mas ciente do limitado acesso de movimentos do parceiro, Blake ordenou que o colega utilizasse um golpe final.
— Muito bem, Snivy, finalize-o com mais um Tackle, mas tenha certeza de deixar ele com um pouco de energia!
O Pokémon de corpo serpentino olhou de forma charmosa para seu dono, em um olhar afiado de confiança do que estava fazendo. Alegre com seu desempenho, partiu piedosamente para cima do alvo, que, em um movimento final, almejava realizar um ‘all-in’ e buscar a vitória.
Em uma batalha de dois investidas, um de cada lado, ambos os dois caíram no chão. Snivy caiu mas resistiu, sem tomar dano algum. O adversário, que possuindo Huge Power, estava suposto a causar um dano considerável. Entretanto, seu ataque fora diminuído há pouco, tal como seu desconhecimento no movimento Tackle, que saiu em forma de Splash, tendo efeito algum.
— Vai! — Blake lançou uma Pokébola antes que o desejado Azurill caísse desmaiado no chão. Sua fala foi calma, mas esperançosa. Nunca havia experimentado a sensação de captura, era energizante.
O objeto esférico começou a girar algumas vezes sobre o chão, com luzes vermelhas que revelavam a ainda tentativa de resistência do tipo fada em escapar. Os segundos passavam como minutos, mas Snivy não demonstrava sequer preocupação, inclusive se mostrava em ar de superioridade.
Quando a Pokébola parou de girar, ficou certo de que Azurill fora capturado. Um novo Pokémon registrado em sua Pokédex, junto com uma nova gama de movimentos para serem experimentados. Blake soltou um sorriso frouxo, enquanto seu companheiro assentiu a cabeça, orgulhoso.
— Obrigado, Snivy. Acho que podemos voltar para o centro Pokémon, não?
Após seu agradecimento, o garoto retornou seu inicial para a pokébola, rumando para a cidade grande. Não tinha ido muito longe, então, não seria uma caminhada muito longa até chegar em um dos vários centros Pokémon de Sélifer Island.
No caminho de volta, uma repentina e passageira dor de cabeça afligiu Blake, que quase caiu tonto nos ladrilhos da calçada. Uma visão sobre o professor o cobriu, mas era vaga demais. Desastrado por si só, coisa boa não devia ser. Por isso, apertou o passo para curar seus Pokémon e ver se sua intuição estava certa.
Entrou apressado sem pedir licença. O centro Pokémon local estava quase que vazio. Assim que as portas se abriram, os olhares se direcionaram ao rapaz ofegante que invadira o local. Sem muito se prolongar, solicitou auxílio para a enfermeira, do outro lado do balcão.
— Seja bem-vindo ao centro Pokémon. Em que posso ajudá-lo?
— Por favor — suspirou — ajude meus Pokémon. Acho que alguém está em perigo e preciso ser rápido.
— Certamente — recebeu os objetos do treinador, colocando-os em uma máquina e prontamente os restaurando ao máximo.
— Muitíssimo obrigado — continuou respirando forte
— Esperamos te ver em breve — concluiu com sua frase após concluir o serviço. No mínimo estranho, ninguém com um mínimo de sanidade desejaria algo ruim para alguém, como retornar a uma enfermaria. Enfim, apenas detalhes.
— Adeus!
Após voltar a correr em direção ao laboratório, sua sensação estranha fora confirmada: Uma mensagem do Holo Caster do Professor para treinadores nos arredores.
”Treinadores de Pokémon em ascensão, de todas as classes, o meu laboratório está sendo atacado após uma criatura de outra dimensão. Identifica-se como UB-02: Beauty. Solicito que me auxiliem nessa tarefa de deixá-la inconsciente, mas não a capturar. Obrigado desde já. Câmbio e desligo. ”
Ao menos um desses presságios estava lhe sendo útil. Talvez se tivesse escutado antes já estaria ao lado do professor. Muitos boatos ecoam pelo continente sobre esses seres enigmáticos: Que uma delas destruiu uma grande árvore do templo norte de Horckry, sobre seu poder destrutivo massivo e atributos diversos. Com o que ele estaria lidando em breve?
Chegando no grande laboratório, Blake liberou seus Pokémon com algo em mente. Visto os barulhos que já podia ouvir de fora da construção, precisaria ser muito cauteloso se quisesse ser realmente útil para o professor.
— Azurill, vamos lá, utilize Tail Whip o Snivy pelo menos duas vezes!
Lembrando do que acontecera mais cedo, Snivy estaria resistente o suficiente com os múltiplos movimentos que aumentariam sua defesa devido sua habilidade: Contrary. Após utilizar quatro vezes o movimento, percebeu que estava perdendo tempo.
— Não podemos mais ficar nessa! Vamos depressa! — Gesticulou com as mãos para entrarem no local de estudos, com a ansiedade de alguém atingido por Perish Song.
Adentrando a estrutura, percebeu a UB-02 danificando alguns aparelhos e utensílios do laboratório. O professor parecia dividido entre se livrar da ultra besta e não perder o foco do seu último estudo, porque sinceramente, ele poderia acabar com aquilo com um único movimento de seus Pokémon.
— Blake, você voltou! Poderia se livrar desse contratempo para mim?
— Acho que sim, pode deixar!
— Já te aviso: É a mais veloz de todas as ultra bestas. Pelas minhas suposições, em níveis maiores, deve ser até difícil de enxerga-la em alta velocidade.
A sala que a confusão acontecia era grande o suficiente para ser um pequeno salão de batalhas, mas longe de ser adequada para isso. Diversos aparatos eletrônicos funcionavam e que carregavam dados de pesquisas de todo o globo. Informações essas que não podiam ser perdidas ou danificadas de maneira alguma. Alguns monitores já tinham sido trincados, mas não parecia ser grande problema.
— Muito bem! Snivy, use o Tackle! Azurill, aproveite e use o Tail Whip para ajudar seu amigo!
Tendo o golpe de Azurill classificado como de ‘Status’, esse tem efeitos diferentes enquanto usado ao mesmo tempo nos dois Pokémon: Pheromosa tem sua defesa diminuída, enquanto Snivy, aumentada.
Perdendo um turno por besteira, o inimigo usou Quick Guard para prevenir-se de estratégias indesejadas, mas não havia movimento que fizesse valer a pena esse ataque ser utilizado.
O tipo planta já estava tão resistente que um ataque adversário causaria menos dano que uma UB-02 no mesmo nível de Snivy. Azurill parecia interessado com o que acabara de fazer, uma boa técnica de batalha que aproveitou o potencial dos dois Pokémon.
— Azurill, muito bem. Ataque-a com um Water Gun direto na cara. Snivy, continue a investir com Tackle!
Pheromosa já tinha defesas baixíssimas, que foram anteriormente mais reduzidas ainda. Poucos golpes dos adversários seriam suficientes para derrubá-la. É crucial ressaltar, contudo, que ela é mais forte que os dois, tendo muito mais vida.
Com um Double Kick bem concebido, Snivy caiu no chão: era muito poder. Blake não queria imaginar o que aconteceria se não tivesse preparado Snivy para se fortalecer como uma barreira pouco antes do confronto direto. A energia do oponente já estava em cerca de 30% após os múltiplos golpes dos protegidos do garoto.
— Vocês estão ótimos. Não descuidem! Finalizem com Tackle e Water Gun!
Não havia estilo que salvasse a habilidosa barata branca, que até tentou se safar usando Swift em Azurill, mas não pôde resistir a técnica dupla. Azurill quase desmaiou após receber o primeiro ataque, enquanto UB-02 caiu inconsciente no chão.
— Acho que é isso, bom trabalho!
Contente por ter ajudado. O último descendente dos Beauregard voltou a seguir viagem, agradecendo ao professor pela oportunidade e se despedindo. Quem sabe quando poderia avistar outra criatura dessas? O importante no momento era restaurar seus companheiros no Centro Pokémon mais próximo.
— Bon après-midi, Professor!
”Dados da captura”:

Nome: Azurill
Apelido: -x-
Habilidade: Huge Power
Nature: Adamant

I WOULD SELL MY SORRY SOUL IF I COULD HAVE IT ALL





Blake Silver Beauregard
YOU NEVER TOLD ME WHAT IT WAS THAT MADE YOU STRONG AND WHAT IT WAS THAT MADE YOU WEAK
Blake S. Beauregard
avatar
Administrador
Points Store :
5665

Mensagens :
79

Data de inscrição :
10/01/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Jornada] Blake S. Beauregard

Mensagem por Tate Peters em Qui Jan 26, 2017 9:56 pm



Avaliação de Jornada


O jovem Blake havia começado sua jornada pela região com o seu inicial, sua jornada mal havia começado e ele já deu de cara com dois problemas, um Pokémon que insistia em tentar diminuir os status de seu Snivy e um ataque de Ultra Beast ao laboratório do Professor Matt Smith.
Com toda sua coragem ele capturou Azurill e logo depois foi correndo ajudar o Professor!

Avaliação de Captura e Treinamento:

Perfeita: ♦ Pokémon capturado no Lv: 10
♦ -1 Poké ball
Gender:Nature: Adamant Ability: Huge Power
Diamond: ♦ +12 Lv para Snivy
♦ +12 Lv de Classe
♦ + P$ 16.000,00

Evento Concluído com exito!
Premiação:

Quantidade de Prêmio:04 Itens (Link do sorteio de quantidade de Prêmio)
Itens a Receber ( Link do Sorteio)
Caixa de Prêmio:
♦ 02 Max Potion
♦ 05 Revive
♦ 01 Rare Candy
♦ 01 Cherish Ball

Cherish Ball contendo um Medicham:
(Sorteio de Pokémon)
Level do Pokémon: 42 (Link do sorteio)

Medicham
Nature: Impish
Level: 42
Tipo:
Sexo: Macho
Habilidade: Pure Power
Item:  
Tm's: -∆-
Hm's: -∆-

Hp: 115/ Atk: 68/ Def: 89
SpA: 61/ SpD: 81/ Spe: 85



Evento
------------------------------------------------------------------------------
@Lilah


Normal People Scare Me.

Tate Peters
avatar
Administrador
Points Store :
7998

Mensagens :
254

Data de inscrição :
07/11/2015

Idade :
20

Localização :
Murder House

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum